Poema: O Inimigo na Escuridão

O monstro adentra pelo quarto Invade o espaço entre as paredes Se acomoda na cama pequena Açoita a criança inocente. O monstro adentra pelo quarto Ameaça a alma confusa Diz para que ela não conte nada Compra-lhe o silêncio. O monstro adentra pelo quarto Promete mundos e fundos Causa a dor a uma pobre alma…