Poema: “O Suicida”

O mundo é uma bola de neve, gigante e colossal. Uma bola de neve branca e capaz de engolir uma pessoa inteira. Capaz de submeter um único ser humano frágil Em uma parte integrante de suas partículas gélidas e marmóreas. Partículas de cores que mal se veem à distância. É apenas um corpo que gruda…

Poema: “Ruptura”

Era uma corda fina e delicada Sustentando dois corpos inclinados em frente De um lado para o outro. Uma dança os traz para perto Beijos acalentados Abraços de promessas Planos ditados no ouvido. Os corpos se entregam e se amam. São sustentados de uma forma branda. Mas os movimentos, de repente, se tornam bruscos. As…

Poema: A angústia do pesadelo

Ontem eu tive um pesadelo triste Onde gritava sem ser ouvida Onde fugia sem ser seguida Temendo uma ameaça sem nome. Não havia rosto, só uma sombra disforme O despertar no susto, a respiração alterada A tranquilidade de se descobrir acordada. Mas e quando a angústia vem com olhos despertos? Desconhece a tristeza, mas quer…

Partida – poema sobre a triste arte de deixar ir

Eu te deixaria partir se tu quisestes Pois seu encanto se calaria Por gestos exacerbados e palavras infantis Sentimentos ocultados pela decepção Eu te deixaria partir se tu quisestes Pois querer por pena é egoísmo Tristeza plena e maltratada Silenciando a poética que te inspiras Eu te deixaria partir se tu quisestes Pois sofrer com…

Chuva – poema pra acalentar o coração

Chuva. Sopros na janela que atormentam ideias Confusa, barulhenta e silenciosa. Chuva A tarde nublada que proporciona momentos conturbados A cidade inquieta reproduzindo barulhos estranhos Roupas encharcadas que provocam ansiedade. Chuva O momento hesitante antes de sua própria prova Palavras inusitadas que corrompem sua concentração Uma expectativa doce e dolorosa de cruzar com o calor…