Poema: Precisamos falar sobre estrangeirismo

Precisamos falar de estrangeirismo. Pois queriam tocar meus lábios com uma língua excessivamente afiada. Percorreram a superfície soprando cevada com palavras torpes empunhando espadas contra a minha garganta. “Brazilian butt just drive me crazy”. “Gut gemacht, liebe Frau!”. . Eu não gozei. Não conseguia gozar com toques tão superficiais. Me doía na alma a ignorância…