De volta à superfície – e às palavras

Escrever sempre foi uma forma de arte associada aos meus momentos, fossem eles bons ou ruins, e a uma necessidade. Uma extensão da minha personalidade que eu quase poderia chamar como uma forma de sobrevivência. Quando embarquei para a Alemanha, há cinco meses, tinha em mente que um programa de intercâmbio com horas cronometradas de…

Au Pair: por quê decidi jogar tudo para o alto e embarcar para a Alemanha

Não é de hoje que venho refletindo muito em relação à minha posição profissional, algo que passou por uma busca exaustiva por melhores oportunidades de estudo e carreira. Reflexões, essas, que me trouxeram até aqui, em uma cidade minúscula do interior da Alemanha, respirando o ar puro da natureza, apreciando a luminosidade das ‘golden hours‘…