Penúria – Uma crônica

Era um dia envolto em nuvens e lágrimas quando ela abriu os olhos.

Sua cabeça latejava pelas longas horas dormidas. Horas de um sono profundo e, ao mesmo tempo, inquieto.

Sua mente parecia um mar revolto e de ondas fortes, que se quebravam na areia úmida como sonhos destruídos pelo tempo.

O coração palpitava. Procurava afastar de sias más lembranças, os pesadelos que tornavam seu corpo duro e brusco.

Respirações rápidas e cortadas corrompiam-lhe, e ela buscava conforto em pílulas rosadas, chás orgânicos e litros de água adocicada, que mais lhe pareciam amargor.

Desistiu até do conforto alcoólico, cujo efeito da euforia era tão passageiro quanto o arco-íris que atravessava o céu escuro em um dia de chuva intensa e sol discreto.

Precisava, afinal, de uma chuva de cores. De campos floridos e florestas frescas, que ocultavam brilhos solares. Mas que, afinal, revelavam por entre as frestas suas iluminação.

Na casa vazia, procurava controlar-se. Tentava empurrar as formas bruscas na parede, procurando afastar de si o lado triste e cheio de terror ao qual sua imaginação era capaz de lhe apresentar.

Por fim, estendeu a mão implorando ajuda. Juntou as mãos e rezou, rogando a todos os seres celestes que lhe poupassem a alma, o corpo e o espírito.

Crédito: StockSnap
Crédito: StockSnap

Assim, teve o consolo que precisava.

Tudo se alinhava com os efeitos profundos de remédios e seres de luz que lhe acalmavam a mente. Do alto da auréola, criada na atmosfera que pairava acima de si, uma figura materna veio ao seu encontro.

Crédito: StockSnap
Tudo passa. Tudo sempre vai passar! | Crédito: StockSnap

E assim, a penúria acabou. Destruiu a ansiedade quando, por fim, expeliu as palavras que tanto se acumulavam em seu coração.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s