Retrospectiva: os shows que assisti em 2011

O post era pra eleger os melhores shows de 2011, mas isso é uma tarefa impossível. O Brasil foi palco de diversas apresentações, muitas das quais não pude presenciar de perto. Fora que não conseguiria agradar muita gente: faltaria explorar diversos gêneros musicais, e não só o meu amado rock and roll. As listas elaboradas por muitos sites de cultura e entretenimento me pareceu extremamente vaga exatamente por isso.

Então resolvi mudar o título do post para a retrospectiva dos shows que eu mesma presenciei, por ordem de preferência. O Rock in Rio, Planeta Terra e SWU ficaram de fora, infelizmente (fiquei de frescura e terminei sem ingresso, como a pobre demônia que sou).  Em cada nome, é possível acessar o link com os posts mais elaborados que eu escrevi sobre cada um deles. Cliquem e divirtam-se!

Crédito: Autor Desconhecido

6- Miley Cyrus
Ela começou muito jovem na televisão, como a intérprete de Hannah Montana no Disney Channel. Ainda presa nas sombras da personagem, Miley tenta a qualquer custo se libertar da imagem de menininha. Com figurinos ousados e um pouco apelativos, a jovem cantora de apenas 19 anos chocou grande parte do seu público de crianças e pré-adolescentes. Apesar disso,  sua apresentação no país em  maio (com a turnê “Corazón Gitano”) foi surpreendente. Com uma voz grave e potente, flertou com o mundo do rock ao fazer covers de Joan Jett, Nirvana e Poison. Sua atitude nos palcos demonstra uma artista pronta para aflorar de verdade a qualquer momento.

5- U2
O grupo irlandês (que a maioria das pessoas que eu conheço adora odiar) fez apresentações memoráveis no estádio do Morumbi em São Paulo, no mês de Abril. O palco magnífico de 360°, que leva o nome da turnê, teve proporções de um grande espetáculo, com direito à abertura da incrível banda britânica Muse.

4- Aerosmith
A banda pisa em solo brasileiro praticamente todo ano, mas nunca é demais assisti-los. Os caras agitaram a Arena Anhembi em São Paulo, onde nem a chuva foi capaz de esfriar a nostálgica apresentação.

3- Avenged Sevenfold
A banda norte-americana passou por algumas modificações no decorrer dos anos: começou no mundo do metalcore, para evoluir e flertar com o heavy metal. Em 2009, os integrantes se depararam com o drama de perder o incrível baterista The Rev. Apesar da grande perda, os caras seguiram na estrada, lançaram um ótimo álbum, “Nightmare”, e pisaram em terras brasileiras no SWU 2010, com Mike Portnoy assumindo as baquetas. Tempos depois, Arin Ilejay foi anunciado como o novo baterista, e o grupo seguiu em turnê com o novo disco, passando pelo Brasil novamente no mês de abril. Com uma apresentação marcada por uma pancada atrás da outra e muita gente passando mal, o grupo deixou claro a grande maturidade que vem conquistando musicalmente.

2- Ed Kowalczyk 

A belíssima voz por trás do grupo Live passou em São Paulo no dia 30 de junho. Interpretando músicas de sua antiga banda, Ed também abriu espaço para apresentar seus novos e competentes trabalhos, com uma banda bem entrosada e uma excelente interação com a plateia.

1- Pearl Jam
O show mais esperado do ano superou todas as expectativas. Os veteranos do grunge mostraram que continuam muito bem musicalmente: 20 anos de estrada em apresentações que quase arrebentaram os estádios brasileiros. De longe, foi o melhor show do ano para mim.

E é isso. Espero presenciar o dobro do que foi visto esse ano, já que o apocalíptico 2012 promete ser mais cheio ainda!

Fuck yeah, Brazil! ♥

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s